Países islâmicos desistem de condenar “difamação religiosa”

Um bloco signifi cativo de países islâmicos abandonou, ontem, uma campanha de 12 anos no sentido de criminalizar internacionalmente a “difamação da religião”.

A medida contava com a oposição de vários países ocidentais e latino- -americanos, já que uma resolução nesse sentido poderia dar cobertura à perseguição de minorias religiosas e legitimar leis anti-blasfémia, como a que existe no Paquistão.

Havia, ainda, preocupações no plano da liberdade de expressão, uma vez que a defi nição de “difamação” não é universal. O Paquistão, porta-voz da Organização da Conferência Islâmica (OCI), defendia a urgência da medida para defender os fi éis de acções ofensivas, dando como exemplo a publicação, na Dinamarca, de cartoons sobre Maomé.

Ao ver o apoio à sua proposta diminuir nos últimos anos, a OCI aceitou desistir da sua campanha, abrindo caminho à discussão e eventual adopção de uma resolução que visa proteger os crentes e não as crenças.

Anúncios

About Fundacao AIS

Organização internacional católica, dependente da Santa Sé, cuja missão é ajudar os cristãos perseguidos por causa da sua fé. Procura estar atenta às várias situações de necessidade destes cristãos, particularmente a falta de liberdade religiosa. Para isso, publica periodicamente um Observatório sobre a Liberdade Religiosa no Mundo www.fundacao-ais.pt/

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: